Desenvolvimento Pessoal


Neste contexto, o processo musicoterapêutico pretende sobretudo ampliar a consciência sobre si mesmo e desenvolver recursos e comportamentos construtivos e benéficos a um bem estar físico, mental e emocional.

O resultado é estar na relação; é a possibilidade de experienciar a emoção de diferentes formas; conhecer novas facetas de si mesmo e lidar com elas; desenvolver flexibilidade e ser criativo diante das escolhas; é melhorar a comunicação, aprofundar a capacidade de reflexão e auto-conhecimento. 

As sessões podem ser individuais ou em grupo. 


MÉTODOS

Os métodos e materiais utilizados são: a voz, o corpo, instrumentos musicais e, ocasionalmente, aparelhagem de som. 

Os processos individuais possibilitam um processo de auto conhecimento e desenvolvimento pessoal mais personalizado e o estabelecimento de uma relação terapêutica mais profunda. 

Os processos grupais possibilitam o aprofundamento do autoconhecimento na relação com o outro, no afeto, na cognição e no corpo, em comportamentos, num processo de socialização.

Os grupos são formados de acordo com área geográfica e interesse da comunidade.